A mulher de Rice exposta a ter de proteger-se?

Keith Olbermann, figurativamente, “pega fogo” à NFL, a Roger Goodell e a Adolpho Birch, Senior VP para questões laborais.

Há aqui duas questões importantes.

1) Keith Olbermann dá um “salto perigoso” (mas esse é o estilo dele) ao sugerir que a mulher de Ray Rice poderá ter se sentido forçada, com motivação óbvia de não prejudicar o seu marido…sob risco de tornar a ser atacada por ele.

2) Mas não poderá haver uma ponta de verdade? Será assim tão “ultrajante” pensar que uma mulher que foi agredida pelo seu marido, tenha feito todos os possíveis para não causar uma situação onde ele (Ray Rice) poderia ter uma razão para acusar a mulher de lhe prejudicar a carreira?

Que acham?

 

 

Continua o fallout das declarações de Tony Dungy

Keith Olbermann continua a sua análise crítica das declarações de Coach Tony Dungy.

E para além destas contradições que o Keith encontrou, também o treinador principal dos Rams, claramente saiu em oposição a Tony Dungy (apesar de o ter feito de uma forma respeitosa),  dizendo que Michael Sam “absolutamente não” criou distracções para os St Louis Rams.

A entrevista foi para a ESPN Radio, e a notícia pode ser lida aqui.

 

 

Dose dupla de Olbermann sobre a NFL em 2014

Keith Olbermann fala sobre a vontade por parte da Liga de haver uma equipa (ou duas?!??!) em Los Angeles

E neste vídeo, Keith dá a sua opinião sobre o que disse Tony Dungy em relação a Michael Sam e poder… acontecer coisas.

Também eu fico incomodado com o facto de Tony Dungy, que gostei muito de o ver como head coach nos Colts, ter aceite um prémio de uma organização contra o casamento entre pessoas do mesmo sexo.

Acho que neste caso o Coach Dungy…perdeu uma oportunidade de ficar calado (como se costuma dizer)