Quick Stats

Boas!

Chegou ao final mais uma “regular season” da NFL….

ACTUALIZADO

     41 – 45    

Quando duas equipas com vertente ofensiva se defrontam sem preocupação no resultado final, obtemos o seguinte:

– 1.000 jardas em passe – Matthew Stafford (36 passes para 520 jardas, 5 TD’s e 2 INT’s) e Matt Flynn (31 passes para 480 jardas, 6 TD’s e 1 INT);

– 3 jogadores com mais de 100 jardas em recepção – Calvin Johnson (11 recepções para 244 jardas e 1 Td), Jordy Nelson (9 recepções para 162 jardas e 3 TD’s) e Brandon Pettigrew (7 recepções para 116 jardas);

11 TD’s (todos em passe) distribuídos por 8 receivers;

– 17 penalidades para 178 jardas no total (11/101 e 6/78 respectivamente);

Numa época em que muitos pretendem edificar um estátua em homenagem ás performances de Aaron Rodgers, o record da organização caiu… ás mãos de Matt Flynn.

Com este resultado, e com o resultado dos Falcons, os Detroit Lions deslocam-se a Nova Orleães, para o jogo do Wild card, num embate onde se perspectivam muitos pontos e jogadas de encher o olho…

STANDING FINAL:

Detroit Lions (10-6)

Green Bay Packers (15-1)

———————————————————————————————————————————————————

     23 – 22    

Vitória inglória dos Tennessee Titans sobre os Houston Texans, que embora mantivessem a esperança de atingir os Playoffs, teriam de aguardar por outros resultados, que não se conjugaram.

Num jogo em que os Texans apresentaram principalmente jogadores suplentes, consentiram a sua 3ª derrota consecutiva, numa época em que atingem pela 1ª vez os Playoffs, e tudo isto sem a ajuda durante muito tempo de jogadores fundamentais como: André Johnson, Mario Williams e Matt Schaub. Como teria sido interessante ver esta equipa na máxima força na “Big Dance”…

Uma decisão polémica do treinador dos Texans – Gary Kubiak, que optou pela tentativa de conversão de 2 pontos após o TD (falhada), quando poderia ter levado o jogo ao prolongamento, se tivesse optado pela conversão tradicional…

STANDING FINAL:

Tennessee Titans (9-7)

Houston Texans (10-6)

———————————————————————————————————————————————————-

     13 – 19    

Com esta derrota, os Indianapolis Colts, garantem a 1ª escolha do Draft, em Abril, e os Jacksonville Jaguars oferecem um vitória para a despedida do proprietário – Wayne Weaver…

Mais uma boa exibição de Maurice Jones-Drew (25 corridas para 169 jardas) que terminou a época, como o RB com mais jardas ganhas (1606) e batendo o record da organização.

STANDING FINAL:

Indianapolis Colts (2-14)

Jacksonville Jaguars (5-11)

———————————————————————————————————————————————————-

     17 – 19    

Sem muitas esperanças, em continuar, os New York Jets despedem-se mais cedo da época, num jogo em que os Miami Dolphins fizeram o suficiente para ganhar mais um jogo, que no entanto, não lhes permite inverter a tendência dos últimos anos, já que acumulam a 3ª época consecutiva com um Standing negativo, algo que não acontecia desde a década de 60.

Preocupante, são os comentários de alguns jogadores, que destacam a falta de vontade que a equipa demonstrou durante a época…

Num jogo que o Mark “afinal não é tão filho pródigo como se dizia no ínicio da época” Sanchez (21 passes para 207 jardas, 2 Td’s e 3 INT’s) esteve mais uma vez na base da “não vitória” da sua equipa, já que todos os turnovers deram FG’s ao adversário, os motivos para o Rex Ryan se preocupar, só vão crescer…

Bye Bye Rex Ryan?

STANDING FINAL:

New York Jets (8-8)

Miami Dolphins (6-10)

———————————————————————————————————————————————————-

     17 – 13    

Jogo entre duas equipas que já tinham as férias marcadas, e que pretendiam esquecer esta época o mais rapidamente possível…

Percy Harvin (10 recepções para 115 jardas + 5 corridas para 13 jardas e 1 TD) continua a carregar as despesas do ataque, para os Vikings.

Melhores dias virão?

STANDING FINAL:

Chicago Bears (8-8)

Minnesota Vikings (3-13)

———————————————————————————————————————————————————

     21 – 49    

Arranque demolidor dos Buffalo Bills que no 1º periodo se encontravam a vencer 21-0, no entanto, a máquina dos New England Patriots reagiu conseguindo um parcial de 0-49 nos periodos seguintes.

Tom Brady (23 passes para 338 jardas, 3 TD’s e 1 INT) terminou a “regular season” com 5235 jardas tornando-se na 2ª melhor marca de sempre e relegando o Dan Marino (5084) para 3º.

Rob Gronkowski (8 recepções para 108 jardas e 2 TD’s) terminou a época com  17 TD’s e bateu o record de jardas recebidas por um TE (1327), que pertenceu durante alguns minutos a Jimmy Graham (1310).

STANDING FINAL:

Buffalo Bills (6-10)

New England Patriots (13-3)

———————————————————————————————————————————————————

     17 – 45    

Mais um jogo que serviu para bater recordes:

– Os New Orleans Saints acumularam 7474 jardas no ataque (batendo o record dos Saint Louis “The Greatest Show on Turf” Rams);

– Obtiveram 416 first downs (record);

Drew Brees (28 passes para 389 jardas, 5 TD’s e 1 INT) terminou a época com 5347 jardas (aumentou a parada);

– Concretizou 468 passes (Peyton Manning – 450 em 2010);

– Completou 71,6% das tentativas de passe (já possuía o record com 70,6%).

Chris Ivory (19 corridas para 127 jardas e 1 TD), Marques Colston (7 recepções para 145 jardas e 2 TD’s) e Jimmy Graham (8 recepções para 97 jardas e 1 TD) foram outros dos jogadores em destaque.

Será que estivemos em presença de uma passagem de testemunho entre um dos QB’s do presente e o QB do futuro (Cam Newton)?

STANDING FINAL:

Carolina Panthers (6-10)

New Orleans Saints (13-3)

———————————————————————————————————————————————————-

     10 – 34    

Vitória interessante dos Philadelphia Eagles sobre os Washington Redskins, que poderá dar outro ímpeto á equipa na abordagem á proxima época, já que pela 1ª vez desde 2007, não atingiram os Playoffs, numa época em que bateram o record da Organização para o total de jardas ganhas numa época (6386).

Boas exibições de Michael Vick (34 passes para 335 jardas, 3 TD’s e 1 INT) e de Jeremy Maclin (8 recepções para 105 jardas) para os Eagles e de Evan Royster (20 corridas para 113 jardas + 5 recepções para 52 jardas) para os Redskins.

STANDING FINAL:

Washington Redskins (5-11)

Philadelphia Eagles (8-8)

———————————————————————————————————————————————————–

     34 – 27    

Vitória importante dos San Francisco 49ers sobre os Saint Louis Rams, que lhes permitiu segurar o “2nd seed” que lhes garante uma semana de descanso, numa luta contra os Saints.

Num jogo em que os 49ers tinham poucas alternativas para as jogadas de passe, Vernon Davis (8 recepções para 118 jardas) e Michael Crabtree (9 recepções para 92 jardas e 2 TD’s) foram fundamentais, nomeadamente, num “Trick Play” em que o Kicker – David Ackers simula o Kick, fazendo um passe para TD recepcionado na End Zone por Crabtree, evitando assim uma reviravolta no marcador já que os Rams marcaram 17 pontos no último periodo.

Com esta derrota, os Rams obtêm a 2ª escolha do Draft.

STANDING FINAL:

San Francisco 49ers (13-3)

Saint Louis Rams (2-14)

———————————————————————————————————————————————————–

     20 – 23    

Mais uma vitória no prolongamento dos Arizona Cardinals, desta vez sobre os Seattle Seahawks.

Num jogo em que mais uma vez ficou patente, que o Larry Fitzgerald (9 recepções para 149 jardas) está a perder os melhores anos da vida dele como atleta numa equipa mediocre, terminando a época com 1411 jardas em recepção, sendo que algumas delas foram das mais espectaculares da Liga (veja a recepção com uma mão, que permite o FG da vitória…), assim como ficou mais uma vez demonstrado que os 62.000.000$ pagos pelo Kolb foram um desperdício, já que por uma fracção desse valor, John Skelton (22 passes para 271 jardas, 1 TD e 1 INT) faz melhor (pouco, mas melhor) do que ele.

Ainda me lembro de ele ter ficado chateado por ter sido preterido pelo Andy Reid a favor do Michael Vick – Que lata!

STANDING FINAL:

Seattle Seahawks (7-9)

Arizona Cardinals (8-8)

———————————————————————————————————————————————————-

     24 – 45    

Vitória fácil dos Atlanta Falcons sobre os Tampa Bay Buccaneers, que ao intervalo já venciam por 41-7, permitindo-lhe gerir o esforço dos jogadores e actuando com jogadores de 2ª linha durante grande parte do jogo.

Destaque para as exibições de Julio Jones (4 recepções para 76 jardas e 2 TD’s) e de Michael Turner (17 corridas para 172 jardas e 2 TD’s).

Com esta vitória, evitam o confronto com os Saints (seria provavelmente a 3ª derrota da época), deslocando-se a Nova Iorque (Nova Jérsia, para ser mais preciso), para defrontar os Giants.

STANDING FINAL:

Tampa Bay Buccaneers (4-12)

Atlanta Falcons (10-6)

———————————————————————————————————————————————————-

     24 – 16    

Num jogo em que todos saíram satisfeitos, pois os Ravens asseguraram o “Bye Week” e os Bengals garantiram a passagem aos Playoffs, Ray Rice (24 corridas para 191 jardas e 2 TD’s) foi mais uma vez a estrela do jogo, com 2 corridas para TD de mais de 50 jardas (70 e 51).

P.S. Não tivemos direito a nenhum “Salto Mortal” neste jogo, pudera, com defesas como o Suggs, Ray Lewis e Ngata, pensamos 2 vezes antes de fazer uma gracinha dessas.

P.P.S. Custou-me um bocadinho ver os Bengals qualificarem-se, pois provavelmente, o Andy Dalton irá ganhar o prémio de “Rookie do Ano” em detrimento de Cam Newton, graças a esta passagem…

STANDING FINAL:

Baltimore Ravens (12-4)

Cincinnati Bengals (9-7)

———————————————————————————————————————————————————-

     13 – 9    

Vitória dos Pittsburgh Steelers sobre os Cleveland Browns, num jogo sem grande expressão, e onde “Big Ben” (23 passes para 221 jardas) voltou a jogar extremamente limitado, e onde os Steelers viram-se privados do seu RB – Rashard Mendenhall, por lesão, sem termos ainda notícias sobre o tempo de paragem.

Aparentemente, mais preocupados em não sofrer mais lesões, o Steelers fizeram q.b. marcando o único TD da noite por Isaac Redman (19 corridas para 92 jardas e 1 TD).

STANDING FINAL:

Pittsburgh Steelers (12-4)

Cleveland Browns (4-12)

———————————————————————————————————————————————————-

     7 – 3    

Jogo fraco, entre 2 equipas fracas, mas em que tiveram ambas motivos para sorrir, os Kansas City Chiefs (e Orton principalmente) pela vitória sobre os Denver Broncos (e sobre Tim Tebow principalmente), e os Broncos pela passagem aos Playoffs, já que beneficiaram da derrota dos Raiders…

Num jogo em que se esperava pelo menos um dos 2 QB’s, devido a toda à envolvente do jogo, tivemo-los atrofiados… Sendo que as despesas do jogo foram á conta do Willis McGahee (28 corridas para 145 jardas) e do Dexter McCluster (12 corridas para 61 jardas e 1 TD + 3 recepções para 25 jardas).

No final das contas, acho que os principais satisfeitos da noite, foram os… Pittsburgh Steelers, já que vão defrontar os Broncos, na próxima ronda dos Playoffs.

STANDING FINAL:

Kansas City Chiefs (7-9)

Denver Broncos (8-8)

———————————————————————————————————————————————————-

     38 – 26    

Duelo entre Californianos, que foi ganho pelos San Diego Chargers, não fazendo favores aos vizinhos e rivais de conferência que em caso de vitória ter-se-iam apurado para os Playoffs.

Tratou-se de um jogo emotivo, com muito pontos, “Big Plays” e nervos “á flor da pele” e algumas decisões estranhas por parte de ambas as equipes técnicas…

Philip Rivers (19 passes para 310 jardas, 3 TD’s e 1 INT), Malcolm Floyd (7 recepções para 127 jardas e 1 TD), Antonio Gates (5 recepções para 106 jardas e 1 TD) e Richard Goodman (kickoff return de 105 jardas) foram os principais destaques para os Chargers, enquanto que Carson Palmer (28 passes para 417 jardas, 2 Td’s e 1 INT), Darrius Heyward-Bey (9 recepções para 130 jardas e 1 TD) e Denarius Moore (3 recepções para 101 jardas) deram uma boa resposta embora insuficiente, para levarem de vencida esta partida.

Tratou-se muito provavelmente, do último jogo de Norv Turner como Head Coach dos Chargers…

STANDING FINAL:

San Diego Chargers (8-8)

Oakland Raiders (8-8)

———————————————————————————————————————————————————-

     14 – 31    

Duelo da semana (Podcast nº 24)

STANDING FINAL:

Dallas Cowboys (8-8)

New York Giants (9-7)

——————————————————————————————————————————————————-

Mc

Charles Brito

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s