Dentro da Press Room para a 3ª semana de Julho (2014)

press room

Esta semana no Dentro da Press Room, o resultado do “efeito Kluwe” na NFL, uma vaga de “fundo” para a mudança das atitudes na Liga relativamente a minorias.

O treinador das equipas especiais dos Minnesota Vikings, Mike Priefer, foi suspenso por três jogos , assim como comprometeu-se a pagar 100.000 dólares a associações para educação nas questões Lésbicas, Gays, Bissexuais e Transgender (LGBT), como resultado da investigação de alegações de comportamento inapropriado que foi feita pelo punter Chris Kluwe.

A suspensão pode ser reduzida num jogo se Priefer participar em sessões de sensibilização em anti.intolerância, diversidade e orientação sexual, de acordo com uma declaração por parte dos Vikings

Priefer teve também uma declaração onde se pode ler que “peço desculpa a muitas pessoas, a família Wilf [os donos dos Vikings], a Organização dos Vikings e os seus fãs, à comunidade LGBT, Chris Kluwe e mais alguma pessoa que se possa ter sentido ofendida pelos meus comentários. Eu estou arrependido do que aconteceu e do que eu disse, e eu vou aprender desta situação e vou trabalhar para educar outros e para criar mais tolerância e respeito”.

kluew

No dia 3 de Janeiro, no sítio Deadspin.com Kluwe esreveu que Priefer tinha dito numa das reuniões de jogadores que “devíamos juntar todos os gays numa ilha e lançar uma bomba nuclear até ficar a brilhar”.

No relatório produzido pela empresa Littler Mendelson P.C. (contratada pelos Vikings), confirmou a versão de Kluwe com o testemunho do long snapper Cullen Loeffler, que no dia desse comentário ouviu também esse comentário, que na versão de Loeffler era dirigido aos dois e porque “não estavam a prestar atenção ao treino”.

kluwe e cullen

No relatório não existem no entanto provas conclusivas que apoiem as acusações que Kluew tinha sido dispensado por causa do seu ativismo relativamente aos direitos da comunidade LGBT, assim como existia na organização um ambiente homofóbico.

Parece que a “maré” está mesmo a mudar, e será difícil para alguns dos agentes desportivos ligados à NFL de terem atitudes sem “filtro” porque sabem que pode ser virar contra eles.

É uma questão interessante, no sentido em que alguns podem pensar que o “politicamente correto” não deve ser mais importante que a liberdade de expressão…mas é um mundo diferente onde vivemos agora.

 

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s