Dentro da Game Room para a semana 1(2014)

Voltamos à rúbrica Dentro da Game Room, onde apresento um aspecto em particular que me despertou a atenção neste caso, do primeiro fim-de-semana da NFL. Para a primeira semana…vai ser uma longa época para os fãs dos Cowboys.

Já tinha tido a oportunidade aqui de fazer o argumento que a defesa dos Dallas Cowboys tem “tudo” para ser historicamente má.

Já o ano passado tinham roçado o pior da Liga, com 6,645 jardas permitidas às equipas adversárias, o terceiro pior registo da história da NFL. A defesa dos Cowboys permitiu 388 primeiros downs e 432 pontos, o segundo pior registo para a Organização.

Este ano, a juntar ao facto de terem deixado sair DeMarcus Ware e Jason Hatchr (dois garantes o ano passado) já perderam Sean Lee para a época toda por lesão e Orlando Scandrick está suspenso por 4 jogos.

Como várias pessoas disseram, teria de ser o ataque dos Cowboys a compensar por uma defesa que se esperava má, marcar muitos pontos e esperar que as equipas adversárias cometessem muito erros.

Neste domingo tanto a defesa esteve mal (não esteve terrível, mas esteve má), mas foi o ataque que esteve terrível, numa derrota convincente contra os 49ers por 28-17.

Para além dos erros de Tony Romo (e não se preocupem, já la iremos), foi fácil ver que o ataque nunca esteve à altura do jogo. O primeiro fumble de DeMarco Murray basicamente sentenciou logo o jogo. Os 49ers precisaram de 4 jogadas para galgar 80 jardas e para um TD que punha logo 14 pontos de diferença no marcador.

A linha atacante permitiu 3 sacks a uma linha defensiva sem Aldon Smith, o melhor pass rusher dos 49ers. Tyron Smith, o tão elogiado jogador que custou uma fortuna em dinheiro garantido foi um no show neste jogo.

romosacked

O corpo de recievers promete ser mal explorado a época toda com a “febre” de ter de colocar a bola no Dez Bryant. Cole Beasley parecia ser o melhor reciever em campo, voluntarioso, eficaz, corajoso. Até mesmo Williams e Harris pareciam inspirar mais confiança que Dez, que canalizou Randy Moss e começou a não dar o máximo em jogadas que não sejam para ele. A desculpa que estava desidratado é absolutamente patética.

dez

E claro… Tony Romo. Com um contrato com salário base de 12.5 milhões anuais, este é o QB do presente  do futuro para a Organização. Três intercepções resultado de más leituras, de maus passes e de querer forçar a bola em duplas e tripas coberturas defensivas.

Um último ponto, mas que é ilustrativo do que se está (e vai passar) para os Cowboys. No jogo de domingo, os espetadores no AT&T Stadium estavam (mais ou menos) com uma distribuição de 3 para 1 a nível de adeptos. O que quer dizer que num estádio com 90 mil lugares, 30 mil seriam fãs dos 49ers. Com o “produto” em campo cada vez pior, é normal de ver as pessoas que compraram bilhetes para a época inteira a coloca-los à venda tanto na internet como em mercados secundários. Resultado? Cada vez mais o Jerry World se vai tornar num parque de diversões…mas é para as equipas visitantes.

Advertisements

3 comments on “Dentro da Game Room para a semana 1(2014)

  1. Ricardo, é verdade que o Jerry Jones vai excluir o seu filho(penso que foi ele) da sua herança por lhe ter tirado da mão o cartão com o nome do Manziel no draft?ahaha. Agora mais asério, é difícil ser fã dos Cowboys nestes tempos, de longe a equipa mais odiada nos USA e com estes resultados a equipa mais gozada. Sobre Jones já se falou tudo, mas creio que o Garrett não é a pessoa certa para o lugar.
    Acho mesmo que se devia fazer um extreme makeover para a próxima época, e renovar a equipa totalmente e começar do 0, mas com o dinheiro enterrado nos contratos do Romo e do Smith, infelizmente para os fãs, é caso para dizer: Cowboys suck

  2. nada mais a dizer…. foi um jogo horrível…..4 turnovers em 1 período e meio é demais…logo já tínhamos sofrido 28 pontos num ápice…. o demarco murray sofrer um fumble retornado para TD á terceira jogada da época é simplesmente frustrante e depois apareceu o romo mau, (espero que seja apenas por ter sido o primeiro jogo e que para a semana seja o romo bom…) aquela intersecção na red zone em que na 1º and goal quis passar para o dez em triple coverage é simplesmente horrível, idiota, patética muitos mais adjetivos arranjávamos….a 3 ou 4 jardas era de deixar o murray correr (já tinha mostrado recuperar do fumble e fez depois um jogo bom e ao decidir-se pelo passe o romo teve o harris completamente aberto mesmo á sua frente….) foi muito negativo, espero que os cowboys ganhem aos titans e depois aos rams (jogos possíveis de ganhar!) senão desiste-se já da época….de relativamente positivo a defesa, que não foi muito má….foi má, mas pensei pior e as outras equipas da divisão não terem feito grandes jogos (apesar da excelente 2º parte dos eagles…)

  3. Pingback: Dentro da Game Room para a semana 7(2014) | NFL em Português

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s