Dentro da Game Room para a semana 15(2014)

Esta semana, quando o Dentro do Game Room, como pode uma equipa mudar de “vulnerável à pressão” para “no controlo do seu destino”.

A equipa de Dallas foi a Filadélfia este domingo para lutar pelo topo da Divisão NFC-Este e a possibilidade de controlar o seu apuramento para os playoffs.

Esta é uma situação onde a equipa têm estado nos últimos anos, mas em moldes ligeiramente diferentes. Ao contrário de um passado recente onde a luta pela Divisão era entre equipas com 8 ou 9 vitórias no final de 16 jogos, desta vez, o jogo entre os Cowboys e os Eagles era de duas equipas que estavam já com 9 vitórias e 4 derrotas (9-4) com ainda três jogos para cumprir.

Depois de uma derrota humilhante em casa na quinta-feira do Dia de Ação de Graças, os Cowboys sabiam que mais uma derrota às mãos dos Eagles, não só os ia afastar da luta pela Divisão, como os colocaria numa posição muito complicada para entrar nos playoffs via wild card.

Por causa disso, a equipa entrou bem e chegou a ter uma vantagem de 21-0 no segundo período sabendo que iam ter posse de bola no início da segunda parte.

Durante o terceiro período, os Eagles tinham marcado 24 pontos consecutivos e passavam para a frente no marcador.

dal2

Como adepto dos Cowboys de longa data, mas principalmente mais descrente pelo que tem sido o desempenho da equipa nos últimos anos em momentos de “do or die”, senti um aperto no peito (ainda por cima às 3 da manhã – experimentem ter apertos do peito nessa altura) e pensei “lá vamos nós outra vez”.

O estádio dos Eagles estava ao rubro e a equipa de verde tinha claramente a dinâmica do jogo.

O próximo drive dos Cowboys foi de 78 jardas, em oito jogadas, que terminou com um touchdown de DeMarco Murray numa corrida de duas jardas.

O estádio ficou silencioso com os adeptos em choque que os Cowboys, liderados por Tony Romo não tivessem cometido nenhum erro.

Quando os Eagles tiveram posse de bola a seguir, o erro apareceu, mas neste caso de Mark Sanchez que teve um passe intercetado por  J.J. Wilcox que roubou a bola nas 40 jardas de Filadélfia. Quatro jogadas depois, Romo tinha mais um brilhante passe para Dez Bryant para um TD de 25 jardas e uma vantagem de 35-24.

dal3

É interessante analisar o porque de uma equipa ter uma “carga emocional” de pensar que as coisas vão correr mal e perder quando essa pressão aumenta, ou então, de pensar que tem talento e capacidade para lutar contra a adversidade, e lutar pela vitória e consegui-la contra todas as expetativas.
Tony Romo disse no final do jogo que “esta equipa sente que deve ganhar os jogos, sentimo-nos confortáveis ao saber que temos múltiplos jogadores que conseguem fazer aquilo que é preciso para ganhar. “

Mas a equipa é a mesma que o ano passado. Aliás, a equipa ficou mais desfalcada com algumas lesões e jogadores que saíram da equipa!

Pode ser que a explicação seja que Jason Garrett esteja a ficar cada vez melhor como treinador principal, que tenha sido a diferença de ter Rod Marinelli a coordenar a defesa ou Scott Linehan a desenvolver o playbook atacante. Ou pode ser que, até mesmo jogadores veteranos tenham espaço para progressão. Ou que há um momento onde uma equipa se “encontra” e assume uma identidade.

Seja o que for, aquele “aperto” de, “oh não, lá vamos nós novamente”, é agora de “a minha equipa vai encontrar uma maneira de ganhar o jogo”.

da1

Vamos ver até onde.

Advertisements

One comment on “Dentro da Game Room para a semana 15(2014)

  1. já fomos 2 ricardo… e de madrugada parece que ainda se sofre mais, mas a vitória acaba por saber melhor, e começa-se a semana em altas!! ainda faltam jogos difíceis para nós (ainda para mais com o demarco em dúvida) por isso agora é ver se os cowboys não falham como de costume….bom era os redskins e os giants darem uma ajudinha e ganharem aos eagles… e bom também era dallas poder jogar sempre fora…

    A OL é top, o romo tem estado seguro, o DEZ é no mínimo top-3 receiver, e enquanto a defesa se for aguentado a menos de 25 pontos por jogo temos sempre uma hipótese! já agora Rolando MCclain tem de ser comeback player of the year!!!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s